top of page

Mais Recentes !

Soon Hee Han

Soon Hee Han, empreendedora sul-coreana, CEO da Amakos da Amazônia, passou por vários desafios na vida e na carreira, como uma doença grave – superada – e a venda de uma rede de spas. Hoje, é referência na pesquisa e desenvolvimento de produtos clean beauty com ativos amazônicos.





Como começou a sua carreira? A minha carreira como empreendedora, especialista em Inovação em Wellness, incluindo desenvolvimento de produtos de clean beauty (beleza limpa) sem toxicidades, naturais e de alta performance, começou após a experiência de uma doença grave, que despertou o meu interesse por conhecimentos tradicionais, preventivos e naturais. Já estou há quase três décadas nesta jornada. A experiência em empreender e a formação acadêmica em Metodologia de Pesquisas foram muito importantes para que em pouco tempo eu me tornasse uma pessoa de referência em serviços e produtos de beleza e de bem-estar.


Como é formatado o modelo de negócios da Amakos da Amazônia? A Amakos da Amazônia é uma empresa brasileira criada para minimizar os atuais desafios climáticos globais. Com raiz no Programa Prioritário em Bioeconomia da Amazonica (PPBio), desenvolve produtos excepcionais nos segmentos de cosméticos de beleza limpa, alta perfumaria botânica e fito-nutrição, que aliam práticas sócio sustentáveis de manutenção e regeneração da “Floresta em Pé” à tecnologia da ciência verde, às recentes pesquisas das propriedades dos insumos botânicos do bioma amazônico, bem como o seu uso tradicional pelos povos originários. Iniciamos como uma startup e atualmente estamos no estágio de tração, nosso modelo de negócio contempla o mercado nacional e internacional. No Brasil, atuamos com o conceito de Omnichannel, tendo presença digital pelo e-commerce, marketplaces etc., que são potencializados na presença dos nossos produtos em clínicas dermatológicas e lojas especializadas em clean beauty. A internacionalização da marca AMAKOS da Amazônia é em parceria com a Apex – Brasil, câmaras de comércio e distribuidores internacionais. A AMAKOS da Amazônia tem suas instalações, laboratório de P&DI e Fábrica em Manaus (AM), no coração do bioma amazônico, sendo seus produtos genuinamente desenvolvidos e produzidos na Amazônia.


Qual foi o momento mais difícil da sua carreira? R.: Em uma carreira longa e diversa como a que tenho, tive vários momentos difíceis. Mas acredito que para uma empreendedora do meu perfil, muito focada em inovação, impacto e escalabilidade, o momento que você percebe que o empreendimento que criou e desenvolveu, pode atingir seu ápice dirigido por outras pessoas é sempre um momento muito difícil. Isso ocorreu comigo em 2015, quando decidi pela venda da rede de Spas, para que ela conseguisse atingir sua plenitude como projeto empresarial em todos os aspectos.


Como você consegue equilibrar sua vida pessoal com a vida corporativa e de empreendedora? É um equilíbrio complexo, mas além das práticas adquiridas pela profissão que exerço, pratico meditação, autocuidado, como skincare diário com os produtos da Amakos… eu tenho dois conceitos que me inspiram muito, um é o que eu chamo de “Ser Renascentista” ou ser “Polímata” que, por definição, significa uma pessoa cujo conhecimento não está restrito a uma única área. Um polímata pode referir-se a alguém que detém um conhecimento relevante em diversos assuntos. Muitos dos cientistas antigos foram polímatas, de acordo com os padrões atuais o mais conhecido é o Leonardo da Vinci, arquiteto, engenheiro, artista etc. Já o outro eu batizei de hiperlink, isso é a capacidade de mesclar e convergir estes diversos conhecimentos para solucionar ou buscar respostas para situações da vida e da empresa. Com isso, quero dizer que a vida corporativa é também uma vida criativa pessoal e atende um anseio que tenho de ser polímata e implantar o método hiperlink. Também tenho uma rede incrível de apoio pessoal e profissional. Mas realmente para o equilíbrio fundamental é um mindset de paciência e resiliência. Existem muitos momentos 8 ou 80, momentos de concentração total na vida empreendedora onde equilíbrio de vida se resume a dormir e se alimentar bem, em outros me desligo da vida empreendedora e faço períodos sabáticos de novas pesquisas e me desconecto do dia a dia empresarial. Mas, na maior parte do tempo, o equilíbrio é um oscilar, e é necessário uma super disciplina somados a interesses apaixonantes que ajudem a desligar e nunca, nunca esquecer o sonho que originou o empreender.


Qual seu maior sonho? É ver um despertar da humanidade, ver os seres humanos aplicarem a inteligência , o conhecimento para a vida, a vida da humanidade, a vida do planeta, a vida da natureza… Temos tanta tecnologia, a capacidade de criar arte, de ir ao espaço mas precisamos de um aprimoramento de consciência e assim conseguir perceber esse grande presente que é a vida.


Qual sua maior conquista? Acordar todos os dias com disposição para realizar os meus sonhos.


Livro, filme e mulher que admira? Livro: O homem e seus símbolos – Carl G.Jung. Filme: Todos Star Wars. Mulher que admira: todas que superam e quebram barreiras.

Commentaires


Les commentaires ont été désactivés.

Sobre Elas: Histórias que Inspiram Mudança

bottom of page