top of page

Mais Recentes !

Fernanda Zago

Nossa Mulher Positiva é a Fernanda Zago, CEO da WEpayments, fintech curitibana especializada em pagamentos instantâneos e cross border de altos volumes. Especialista na indústria de pagamentos nacional e internacional, Fernanda nos conta sobre a sua trajetória no mercado financeiro e a atuação da fintech na gestão de pagamentos para empresas brasileiras e internacionais. “Minha carreira em pagamentos começou em 2011 quando eu voltava de uma temporada fora do Brasil. Comecei a trabalhar para uma empresa Uruguaia de pagamentos cross border e me encantei pelo negócio que era muito inovador”, conta. “Somos uma fintech, uma empresa de tecnologia financeira, que ao mesmo tempo é uma instituição de pagamentos com uma plataforma completa que disponibiliza diversos meios de pagamentos, atendendo a empresas nacionais e internacionais que precisam processar altos volumes de pagamentos. Nosso modelo de negócios agnóstico permite ainda sermos processadores de pagamentos para bancos e corretoras no Brasil”, acrescenta.




1. Como começou a sua carreira?

Minha carreira em pagamentos começou em 2011 quando eu voltava de uma temporada fora do Brasil. Comecei a trabalhar para uma empresa uruguaia de pagamentos cross border e me encantei pelo negócio que era muito inovador.


2. Como é formatado o modelo de negócios do WePayments?

Somos uma fintech, uma empresa de tecnologia financeira, que ao mesmo tempo é uma instituição de pagamentos com uma plataforma completa que disponibiliza diversos meios de pagamentos, atendendo a empresas nacionais e internacionais que precisam processar altos volumes de pagamentos. Nosso modelo de negócios agnóstico permite ainda sermos processadores de pagamentos para bancos e corretoras no Brasil. Com uma plataforma que inclui todos os meios de pagamentos, como PIX cobrança, PIX transferência, TED, boleto bancário e cartões de crédito, processamos os pagamentos com a liquidação dos recursos no mesmo dia e para as empresas internacionais, gerenciamos toda a operação cambial vinculada aos pagamentos cross border.


3. Qual foi o momento mais difícil da sua carreira?

Retornar ao mercado de trabalho após o nascimento das minhas filhas e ter que aprender a balancear a vida pessoal com a profissional.


4. Como você consegue equilibrar sua vida pessoal x vida corporativa/empreendedora?

Com muita organização e uma agenda bem definida. Essa agenda compreende todos os compromissos empresariais, pessoais e familiares.


5. Qual seu maior sonho?

Poder viajar o mundo e empreender no setor de tecnologia de alimentos.


6. Qual sua maior conquista?

Ter fundado a WEpayments e tê-la transformado em uma empresa lucrativa e promissora em um setor bastante masculino e desafiador.


7. Livro, filme e mulher que admira.

“Do Zero a Um”, de Peter Thiel, e “Ouse – Fazer o bem, se divertir e ganhar dinheiro”, do Richard Branson. Filme: O lobo de Wall Street. Mulher que admiro: Cristina Junqueira.


0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Commenting has been turned off.

Sobre Elas: Histórias que Inspiram Mudança

bottom of page